A volta dos cultos durante a pandemia

A volta dos cultos durante a pandemia

Em função das deliberações governamentais, quer sejam do Estado do Rio de Janeiro e da Prefeitura do Município do Rio de Janeiro, que dispõe sobre o funcionamento dos templos religiosos de qualquer natureza, durante a pandemia do novo coronavírus (Convid 19), e de outras providências, a diretoria da igreja, sob a direção do seu pastor Presidente. Que a presente subscreve, resolve amparada, pela legislação pertinente, retomar os cultos presenciais, a partir do próximo deste domingo, dia 06 de junho de 2020, sendo sua primeira realização à noite as 19:00 horas.

Todavia, a referida abertura das reuniões se dará sob as prescrições estabelecidas abaixo:

  1. O uso de máscara facial, obrigatório para ingresso e permanência;
  2. Disponibilização de álcool gel setenta por cento, oferecido quando do ingresso e disponibilizado no interior dos templos e em suas dependências de livre acesso público;
  3. Distanciamento mínimo 1 metro entre os presentes , inclusive quanto à ocupação dos assentos disponibilizados.

Para a Sede e congregações que tenham bancos como local de assento, pede-se o assento de no máximo 3(três) pessoas por banco, com distanciamento de um banco (em um banco se assenta em outro não);

Para os que usam cadeiras, observar o assento no máximo de duas cadeiras ladeadas com distância de um metro de cada uma e com intervalo de um espaço de cadeira (conforme para os bancos)

Fica também definido:

  1. Os membros da Sede e Congregações que sejam mais vulneráveis ao COVID 19, deverão preferencialmente optar pela participação não presencial dos cultos;

Para melhor esclarecimento, entende-se comais vulneráveis as pessoas pertencentes aos seguintes grupos:

  1. Com idade igual ou maior de 60 anos
  2. Doenças cardiovasculares
  3. Doenças pulmonares
  4. Câncer
  5. Diabetes
  6. Doenças tratadas com medicamentos imunodepressores e quimioterápicos
  7. Obesidade
  8. Hipertenso/ Pressão alta
  9. Crianças não deverão ir aos cultos
  10. Infectado com o covid-19
  11. Sentindo os sintomas de covid-19
  12. Gripado
  13. Resfriado
  14. Com problemas respiratórios (Como bronquite, asma, pneumonia, etc)
  15. Enfermidades hematológicas
  16. Doença renal crônica

Deixe uma resposta

Fechar Menu